Itesp participa do Workshop de Piscicultura no Pontal
Itesp participa do Workshop de Piscicultura no Pontal

 

O Itesp (Instituto de Terras do Estado de São Paulo) promove nesta sexta-feira, 10, das 8h às 17h, o Workshop de Piscicultura no Pontal do Paranapanema, no Anfiteatro Municipal de Euclides da Cunha Paulista. O objetivo do evento, organizado em conjunto com a Secretaria de Agricultura e Abastecimento, por meio do Instituto de Pesca, da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati) e da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (Apta), é estimular a cadeia produtiva do pescado na região. 
Às 9h, Itesp e Instituto de Pesca assinam um termo de cooperação técnica, estreitando as parcerias entre os órgãos do Estado de São Paulo. No restante do dia, representantes das entidades organizadoras apresentam painéis sobre temas diversos referentes à piscicultura, direcionados a produtores rurais assentados, técnicos extensionistas e estudantes. 
O zootecnista Ornã Enisson Almeida Ourives, analista de desenvolvimento agrário do Grupo Técnico de Campo (GTC) de Euclides da Cunha Paulista, apresenta, a partir das 14h, as metas e o cronograma de ações do Itesp para a piscicultura na região, integrantes do Plano de Desenvolvimento do Pontal. O profissional mostrará exemplos de empreendimentos da região que atingiram sucesso, com apoio da Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) oferecida pela Fundação Itesp aos produtores assentados. 
A piscicultura é uma das cinco cadeias produtivas que compõem o Plano de Desenvolvimento do Pontal, elaborado e aplicado pelo Itesp. Organização, produção e venda são os temas básicos trabalhados com os assentados pelos extensionistas da fundação. 
Conforme o levantamento mais recente realizado pelos GTCs do Itesp no Pontal, existem mais de 200 tanques escavados nos assentamentos atendidos nessa região. Outros tanques estão sendo escavados. Completam esse sistema 26 tanques-superfície e 71 tanques-rede, totalizando um volume de água de 84 mil metros cúbicos, suficiente para a produção de 300 toneladas de pescado a cada sete meses.

Compartilhar Google+

0 Comentário(s)

Deixe seu Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados são obrigatórios*
Publicidade

Busca

Siga-nos

Acompanhe o Tribuna Livre nas Redes Sociais!

Notícias Recentes






1