Santos se reúne com o Barcelona para cobrar R$ 18 milhões
Santos se reúne com o Barcelona para cobrar R$ 18 milhões

 

O presidente do Santos, José Carlos Peres (foto), se reuniu com representantes do Barcelona-ESP na última semana, em um hotel em São Paulo, para cobrar cerca de R$ 18 milhões como compensação pelo amistoso não realizado e previsto em contrato assinado na saída de Neymar para o clube espanhol, em 2013.
O acordo previa a disputa de dois jogos, um na Espanha e outro no Brasil. O primeiro foi realizado (8 a 0 em agosto de 2013, no Camp Nou) e o segundo deveria ocorrer durante a passagem do atacante, hoje no PSG, na equipe catalã.
Como Neymar acabou negociado e o amistoso não foi realizado, o Santos cobra a multa de 4,5 milhões de euros e agora aguarda pelo pagamento. O Peixe vive situação financeira delicada e o dinheiro cairia em boa hora. O ex-presidente Modesto Roma enviou uma carta solicitando a quantia no ano passado, mas não foi atendido.
O problema é que o Barcelona quer que o Santos retire a ação movida contra o clube espanhol pela compra de Neymar para fazer a transferência. A medida foi tomada por Modesto em 2015. O clube catalão alega que, como o contrato do jogador acabou, a multa é questionável.
As conversas serão mantidas e o Peixe não está disposto a encerrar a ação judicial contra o Barcelona, mas é possível que o processo versus Neymar seja retirado. O alvinegro pretende se reaproximar do craque.
 

Compartilhar Google+


Comentário(s)

Publicidade


Busca

Siga-nos

Acompanhe o Tribuna Livre nas Redes Sociais!

Notícias Recentes

Sincomércio recebe pauta para convenção coletiva da categoria


Comissão inclui alfabetização plena e leitura como objetivos da educação básica


Cármen Lúcia suspende novas regras de cobrança dos planos de saúde


Candidatos com mandato terão prioridade na distribuição do fundo eleitoral, dizem partidos


Ministério do Trabalho é invadido e tem salas reviradas


1