Triplex atribuído a Lula vai a leilão público em maio


O triplex no Guarujá, atribuído pelo MPF (Ministério Público Federal) ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, irá a leilão no dia 15 de maio, às 14h, segundo decisão da Justiça Federal. O apartamento foi avaliado em R$ 2,2 milhões.
Caso não apareçam interessados na primeira data, o juiz determinou que o imóvel seja colocado novamente em leilão no dia 22 de maio, com um lance mínimo de 60% do valor (R$ 1,32 milhão).
O leilão público do triplex foi determinado pelo juiz federal Sérgio Moro no dia 29 de janeiro, cinco dias após a condenação de Lula a 12 anos e quatro meses de prisão pelo TRF4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região).
Para colocar o imóvel em leilão  antes mesmo do trânsito em julgado do processo, Moro alegou que o apartamento está em situação de abandono, sem manutenção e tendo seu valor depreciado.
O valor arrecadado com o leilão será depositado em juízo e, com o trânsito em julgado da ação penal contra Lula, poderá ser repassado à Petrobras, caso a sentença seja confirmada, ou ao seu proprietário de fato, em caso de revisão. 
Outro lado
De acordo com a defesa do petista, Lula não é dono do imóvel.


Publicidade








 

Siga-nos

Acompanhe o Tribuna Livre nas Redes Sociais!

Notícias Recentes






1