Polícia de Santo Anastácio identifica mulher encontrada morta em matagal


Nesta segunda-feira, 09, a Polícia Civil de Santo Anastácio identificou o corpo da mulher que foi encontrada em um matagal, na Vila Jardim Ipiranga. Conforme a polícia, a vítima tinha 31 anos e era  moradora de Santo Anastácio.
O reconhecimento contou com a participação de familiares da vítima. A mulher estava desaparecida desde a última quinta-feira (5).
“O companheiro dela achou que a mesma estava na casa da família e os pais acreditaram que ela estaria com o companheiro. Ela era usuária de droga, sempre sumia e já foi até presa por tráfico de droga em 2010”, afirmou o delegado Wanderlei Campioni, responsável pelo caso.
Agora a investigação da polícia é descobrir o autor do homicídio.
O corpo foi encontrado no domingo, 08, após uma  pessoa notar mau cheiro ao jogar lixo no local.
Conforme informações da Polícia Civil, a mulher estava despida, com uma das mãos amarradas com tecido e também com um tecido amarrado no pescoço. A vítima apresentava sinal de um golpe na cabeça. Uma carriola que estava próxima ao corpo foi apreendida. (Com G1)


Publicidade


Busca

Siga-nos

Acompanhe o Tribuna Livre nas Redes Sociais!

Notícias Recentes

Leilosul Agronegócios 2018 se encerra hoje em Bataguassu


Linhas de ônibus entre Venceslau e Teodoro continuam interrompidas


Corte Interamericana utiliza parecer jurídico de universitários da região


Bancários aguardam proposta para 1º de agosto e cobram manutenção de direitos


Óticas Carol é exclusiva das lentes de grau da Ray-Ban em Venceslau


1