P​olícia ​Militar abre inquérito para apurar causa de disparo em PP

O 18º BPM/I (Batalhão de Polícia Militar do Interior) instaurou inquérito para investigar as circunstâncias do disparo de arma de fogo que resultou na morte de um rapaz, durante abordagem policial na Vila Líder, em Presidente Prudente. O fato ocorreu por volta de 8h desta  sexta-feira, 05, nas proximidades da linha férrea, enquanto era desenvolvida a operação São Paulo Mais Seguro. Na ocasião, o homem teria fugido da abordagem e tentado retirar a arma de fogo de um policial militar, que teria revidado com disparo.
De acordo com a Polícia Militar, ao todo, 50 pessoas estavam sendo abordadas no local. Durante o desenvolvimento da ação, militares da Rocam (Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas) faziam patrulhamento pelas imediações para evitar possíveis fugas. De acordo com a corporação, em determinado momento visualizaram o indivíduo em atitude suspeita, que empreendeu fuga aos ver os agentes. Desobedecendo a ordem de parada, o suspeito continuou a fuga, pulando muros e andando sobre o telhado de diversas residências, sendo que os policiais perceberam que ele estava em posse de uma arma de fogo.
Em determinado momento durante a fuga, o criminoso supostamente teria apontado a arma para os policiais, que revidaram com dois disparos. Segundo a corporação, na sequência, o homem adentrou os fundos de uma residência, na Rua Maracy, quando investiu novamente contra o policial, e tentou pegar a arma do militar.  Naquele momento, o agente atirou pela segunda vez, o que resultou em ferimento no suspeito.
De acordo com a corporação, ele chegou a ser socorrido por uma unidade de resgate ao HR (Hospital Regional) Doutor Domingos Leonardo Cerávolo. No entanto, não resistiu aos ferimentos e morreu. Os policiais não ficaram feridos.
 (Com O Imparcial)


Publicidade










 

Siga-nos

Acompanhe o Tribuna Livre nas Redes Sociais!

Notícias Recentes






1